Condromalácea Patelar

DR._MAURICIO_IAMAGUCHI CRM 116.096        +Currículo Completo

Formado pela Faculdade de Medicina da USP, Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho e da Sociedade Internacional de Artroscopia, cirurgia do joelho e Medicina Esportiva

Dor patelo femoral - condromalácea patelar - dor femoropatelar - dor no joelho do corredor

A dor patelofemoral no joelho é um termo usado para se referir a uma série de condições médicas que causam dor na frente do joelho. Estas condições incluem síndrome da dor anterior do joelho ou síndrome patelofemoral, mau alinhamento patelar e condromalácia patelar.

 

Sintomas

Dor atrás da patela (rótula) do joelho ou ao redor da patela que ocorre principalmente após:

• Subir ou descer escadas
• Ajoelhar-se
• Agachar-se
• Ficar com um joelho dobrado por um longo período de tempo
• Corrida

Causas

O joelho é uma articulação complexa e depende de todas as suas partes estarem em ótima sintonia para um funcionamento perfeito.

Qualquer desequilíbrio no funcionamento pode gerar dor e um desgaste irregular na cartilagem que o recobre. Portanto uma série de fatores pode contribuir para dor patelofemoral, incluindo:

• Mau alinhamento da patela (rótula)
• Desequilíbrio ou fraqueza dos músculos da coxa
• Deslocamento (luxação) total ou parcial da patela
• Trauma / contusão no joelho
• Exercícios repetitivos (corrida, agachamento)
• Cirurgia prévia
• Pés chatos / desalinhamento ósseo dos membros inferiores
• Tensionamento excessivo das partes moles que sustentam a patela
• Alongamento inadequado

 

Dor femoropatelar pode ser o resultado da irritação da cartilagem que recobre a patela ou dos tecidos moles em torno da frente do joelho. Quando o joelho é dobrado como durante um agachamento aumenta-se o atrito entre a cartilagem da patela e a cartilagem do fêmur (tróclea), se associado a um desalinhamento da patela pode gerar um atrito desigual na cartilagem da patela ocasionando dor e desgaste na cartilagem patelar (condromalácea patelar). Outros fatores que contribuem para dor femoropatelar incluem uso excessivo (corrida, agachamento), desequilíbrio muscular e alongamento inadequado.

 


Em algumas pessoas com dor patelofemoral, a rótula está fora de alinhamento. Se assim for, atividades vigorosas podem causar estresse excessivo e desgaste na cartilagem da rótula. Isso pode levar ao amolecimento e colapso da cartilagem na patela (condromalácia patelar) e causar dor no osso subjacente e irritação dos tecidos ao redor da patela.

Prevenção

Bom condicionamento físico geral é importante para controle e prevenção da dor femoropatelar. Se você estiver muito pesado, você pode precisar perder peso para evitar a sobrecarga dos joelhos. Se você estiver muito fraco, pode precisar de fortalecimento muscular.
• Alongamento: Antes de executar outro exercício, primeiro fazer 5 minutos de aquecimento, seguido de exercícios de alongamento. O alongamento deve incluir o músculo quadríceps, os músculos posteriores da coxa, a panturrilha e os músculos do quadril.
• Fortalecimento: Aumentar a força gradualmente. Evite mudanças bruscas na intensidade do exercício. Aumentar a força ou a duração das atividades gradualmente. O fortalecimento de diversos grupos musculares dos membros inferiores e do corpo será muito benéfico para a prevenção da dor femoropatelar, consulte seu médico para saber se você tem alguma restrição.
• Use equipamentos com funcionamento adequado. Use tênis com boa absorção de choques e resistentes.
 
Diagnóstico
O seu médico realizará uma história clínica completa para saber mais sobre seus sintomas. Informe o seu médico sobre qualquer participação em esportes ou treinamento que você está envolvido, e quais as atividades agravam a dor no seu joelho. Houve alguma mudança recente de duração, frequência ou intensidade de suas atividades?

Exame físico
Seu médico irá realizar um exame físico em seu joelho para ajudar a determinar a causa da dor.

Para avaliar o seu joelho força, mobilidade e alinhamento, o médico pode pedir-lhe para ficar em pé, andar, agachar, sentar e deitar.

O exame físico incluirá uma verificação do alinhamento de sua perna, joelho e quadríceps; estabilidade do joelho, rotação de quadril, e amplitude de movimento dos joelhos e quadris; palpação da patela para verificar pontos de dor, flexibilidade, firmeza, tônus muscular do quadríceps e músculos isquiotibiais; e flexibilidade dos membros inferiores.

Exames de imagem
O médico pode solicitar exames de imagem de diagnóstico, como raios-X, ressonância magnética (RM) e tomografia computadorizada (TC) a depender da gravidade e tipo dos sintomas.

 

Tratamento

O tratamento da dor patelo femoral / condromalácea patelar / dor femoropatelar / dor no joelho do corredor é na grande maioria dos casos não-cirúrgico. Sendo o tratamento cirúrgico uma exceção, mais reservados para os casos em que há luxação / deslocamento da patela ou em casos pontuais.

Primeiros Socorros
Pare de fazer qualquer atividade que esteja ocasionando piora da dor no joelho. Não comece novamente até que você possa fazê-los sem qualquer dor. Isso provavelmente significa parar de correr ou saltar.

O tratamento não cirúrgico
O tratamento não cirúrgico pode incluir condicionamento físico para recuperar a amplitude de movimento, alongamento, força, potência, resistência, velocidade, agilidade e coordenação. O seu médico pode prescrever um programa de exercícios para normalizar a flexibilidade e a força dos músculos da coxa. O seu médico lhe dirá quando você pode aos poucos voltar a correr e a realizar outras atividades esportivas.

Outros tratamentos não cirúrgicos envolvem uso de joelheiras ou palmilhas especiais (órteses) que raramente podem ser prescritos e eventualmente podem ajudar a aliviar a dor.

Tratamento Cirúrgico
Quando raramente necessário, tratamentos cirúrgicos incluem:

• Videoartroscopia. O cirurgião remove fragmentos de cartilagem da patela(rótula) danificada por uma pequena incisão, usando um instrumento com uma câmera do tamanho de um lápis chamado de artroscópio.
• Realinhamento: O cirurgião abre a estrutura do joelho e realinha a rótula (liberação/release lateral) geralmente por videoartroscopia, reduzindo a pressão anormal na cartilagem e estruturas de apoio da frente do joelho.

Nos casos em que houve luxação (deslocamento) da patela outras cirurgias podem ser realizadas

 

Agende sua Consulta Online 
se preferir          
11 3021-4155
ou ainda preencha o formulário.

Horários de atendimentos

Segunda a Sexta das 8h às 18h

Sábado das 8h às 12h (Acupuntura)

whatsapp-icone.png

Este site tem objetivo educativo e informativo, mas não substitui a orientação fornecida por seu médico, com base em avaliação própria para cada caso.

2018 por Consutti para Clínica Iamaguchi